09:22 23 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    4190
    Nos siga no

    Sérvia não tem planos de fabricar armas ou mísseis em conjunto com a Rússia, disse o presidente do país, Aleksandar Vucic, aos jornalistas.

    Pouco antes, o líder sérvio examinou no aeroporto militar de Batajnici, localizado nos arredores de Belgrado, quatro helicópteros Mi-35, três Mi-17 e sete Airbus H-145 recentemente comprados do fabricante desses aviões.

    "Não posso confirmar, pois muitos manipulam com diferentes tipos de informações e não posso agir de maneira tão irresponsável", disse o presidente, comentando as alegações publicadas na mídia de que a Rússia e a Sérvia no futuro produzirão mísseis, veículos blindados, munição e caminhões militares pesados em conjunto.

    Vucic enfatizou que a Rússia ofereceu um desconto considerável ao seu país na aquisição de equipamentos militares, de "mais de 10 milhões", e expressou sua gratidão a Moscou.

    A Sérvia é o maior importador de armas e equipamentos militares russos na Europa. Anteriormente, a república comprou sete helicópteros Mi-17 e Mi-35 da Rússia e também recebeu seis caças MiG-29 e dez veículos blindados na qualidade de presente.

    Em outubro passado, Vucic garantiu que seu país também gostaria de adquirir os sistemas de defesa aérea S-400, mas por enquanto não pode comprá-los por razões econômicas.

    Tags:
    armas, Defesa, Sérvia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar