00:13 18 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    AK-12

    Fuzil Kalashnikov executa teste radical de disparos mesmo em chamas (VÍDEO)

    © Sputnik / Vasily Raksha
    Defesa
    URL curta
    2290
    Nos siga no

    O consórcio russo Kalashnikov realizou um novo "teste destrutivo" para demonstrar a capacidade máxima de fogo contínuo do seu fuzil de assalto AK-12.

    Durante o teste, o profissional que manuseou a arma disse que só depois de 480 disparos sucessivos o rifle começou a cheirar a fumaça e plástico queimado. O experimento foi realizado com carregadores de 30 balas cada.

    A sequência de tiros permaneceu estável, mesmo depois de a arma começar a pegar fogo no 510º tiro, disparando continuamente até chegar a 680 tiros.

    Na parte final do experimento, a tampa e o invólucro do tubo de gás derreteram, enquanto as outras partes permaneceram intactas.

    Os resultados comprovaram que a eficácia da AK-12 excedeu mais de três vezes os requisitos estabelecidos pelo Ministério da Defesa da Rússia, que é de 180 disparos consecutivos, e ultrapassou a AK-74M em 93 disparos.

    A AK-12 da Kalashnikov, principal fabricante de armas ligeiras das Forças Armadas do país, utiliza carregadores com capacidade para 30 balas de calibre 5,45 mm, adaptados para serem utilizados como suporte de disparo.

    Mais:

    O que assegura sucesso do fuzil de assalto Kalashnikov no mundo? Analista explica
    Kalashnikov apresenta novo fuzil de assalto silencioso para forças especiais (FOTO)
    Kalashnikov submete fuzil a 'teste extremo' e mostra série de disparos em VÍDEO
    Tags:
    disparos, AK-12, fuzil, Kalashnikov
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar