17:46 21 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Visitante caminha no estande da empresa Raytheon apresentando equipamentos em Cingapura

    Empresa de defesa americana revela projeto avançado de novo míssil (FOTOS)

    © AP Photo / Wong Maye-E
    Defesa
    URL curta
    101013
    Nos siga no

    A empresa estadunidense Raytheon, especializada em defesa e aeronáutica, anunciou recentemente o desenvolvimento do seu projeto de míssil ar-ar Peregrine, financiado internamente.

    O novo míssil de médio alcance deverá proporcionar aos compradores interessados um projétil potente com metade do tamanho dos mísseis atualmente utilizados pelos militares.

    A maquete do míssil Peregrine foi apresentada na segunda-feira (16) na Convenção Nacional anual da Associação da Força Aérea em Washington.

    O novo projétil combina o alcance do AIM-120 de médio alcance e a capacidade de manobra do AIM-9X de curto alcance, em um tamanho reduzido.

    ​Raytheon revela míssil ar-ar de médio alcance Peregrine

    O míssil Peregrine mede 1,8 metro de comprimento, com um peso total de aproximadamente 68 kg - cerca de metade do comprimento e massa dos projéteis AIM-120.

    Avanço no desenvolvimento de mísseis ar-ar

    Sem dar muitos detalhes, o vice-presidente para desenvolvimento de negócios e estratégia da Raytheon Missile Systems, Mark Noyes, disse que o míssil usa um "buscador autônomo multimodo" para identificar o alvo.

    "O Peregrine permitirá aos pilotos de caças dos EUA e aliados levar mais mísseis para o campo de batalha a fim de manter a superioridade aérea", afirmou Thomas Bussing, vice-presidente da Raytheon Advanced Missile Systems, em comunicado obtido pela Defense News.

    "Com seus avançados sistemas de sensores, orientação e propulsão embalados em uma estrutura muito menor, essa nova arma representa um avanço significativo no desenvolvimento de mísseis ar-ar", informou Bussing.

    Pavilhão da empresa militar-industrial norte-americana Raytheon
    © Sputnik / Sergei Mamontov
    Pavilhão da empresa militar-industrial norte-americana Raytheon

    O míssil é considerado eficaz contra drones, aeronaves tripuladas e mísseis de cruzeiro.

    Mais:

    EUA realizam 4 lançamentos de teste do míssil balístico Trident II (FOTO)
    Empresa de defesa dos EUA anuncia conceito de novo míssil hipersônico: 'Não há nada igual'
    Míssil recém-testado pelos EUA foi alerta para China, diz secretário norte-americano de Defesa
    Tags:
    AIM-120, míssil ar-ar, Raytheon
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar