03:02 09 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    5320
    Nos siga no

    O mais novo sistema de defesa antiaérea russo S-500, cuja adoção pelas Forças Armadas da Rússia está prevista para 2020, vai ter novas capacidades únicas, informa Military Watch.

    Segundo a mídia, o S-500 poderá interceptar mísseis balísticos intercontinentais, atingir satélites e aeronaves do Sistema Aéreo de Alerta e Controle (AWACS, na sigla em inglês) e proteger sua área de responsabilidade de armas espaciais.

    Segundo a publicação, verificou-se que o S-500 foi concebido não só para atingir alvos no espaço, mas também para defender a área sob sua cobertura de ataques de armas espaciais.

    "Este desenvolvimento surge quando os Estados Unidos começaram a aumentar os investimentos em tais sistemas, com aviões de reconhecimento e bombardeiros hipersônicos espaciais, interceptores laser baseados no espaço e um Corpo Espacial inteiro em funcionamento", indica o artigo.

    Características únicas

    O S-500 é um sistema de mísseis terra-ar, com alcance de até 600 km, que pode destruir uma ampla gama de alvos balísticos. Por pertencer a uma nova geração, esse sistema sem análogos no mundo tem suas características mantidas em segredo absoluto. No entanto, algumas de suas capacidades se tornaram públicas.

    O novo sistema S-500 tem características muito superiores às do S-400 russo e do Patriot PAC-3 americano. Atualmente, o S-400 Triumph é uma das armas mais avançadas e comercializáveis da Rússia, com um número significativo de países interessados em comprá-lo.

    Mais:

    Dotados de tecnologia inovadora, os S-500 russos poderão interceptar qualquer alvo
    Rússia e Turquia produzirão S-500 em conjunto? Especialista revela se isso é possível
    Sistema russo S-500 está sendo preparado para produção em série
    Tags:
    drone espacial, armamento, intercepção, capacidade, S-500
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar