22:01 21 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    O dispositivo de navegação na base de sistema de posicionamento Glonass

    Mídia chinesa nomeia tecnologia russa que é 'dor de cabeça' para Pentágono

    © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    Defesa
    URL curta
    19510

    De acordo com um artigo recém-publicado, os dispositivos eletrônicos russos de bloqueio de sinal (jammers) podem neutralizar os receptores de GPS americano, colocando este sistema fora de serviço.

    Segundo informa o portal chinês Sina, estes jammers se tornaram uma verdadeira "dor de cabeça" para os EUA. Os aparelhos russos podem paralisar os sistemas de GPS do Pentágono, portanto os EUA sofrem "derrota após derrota". A ausência de sinal GPS reduz significativamente a eficácia das armas e resulta em desperdício de munições, explica o autor do artigo.

    Por causa disto, Washington começou a elaborar à pressa equipamento de GPS resistente a interferências. Neste momento está sendo produzida a primeira geração destes equipamentos, mas as Forças Armadas dos EUA já estão insistindo em sua modernização para a segunda ou terceira geração. A razão para isso é o desenvolvimento russo, que cria cada vez mais ameaças ao Pentágono.

    "Entretanto, como o sistema de GPS é permeável a interferências, sinais falsos e mau funcionamento dos satélites, é possível que os EUA desistam deste sistema, porque ele só enfraquece as Forças Armadas", informa o artigo.

    Segundo o autor, a inquietação dos EUA foi provocada pela utilização de bloqueadores de GPS na Síria, na Europa do Norte e nos países escandinavos, que pôs fora de serviço os receptores do sistema de navegação dos países membros da OTAN.

    "Isso foi um enorme sucesso para as tecnologias militares russas de navegação", sublinha Sina.

    O autor destaca que a Rússia "não fica de braços cruzados" e está empenhada em melhorar as tecnologias no domínio do GPS. "Para tal é necessário possuir tecnologias avançadas de comunicação eletrônica e um excelente conhecimento no campo da matemática, e os russos são famosos por isso", concluiu o autor.

    Mais:

    Aeronaves russas Be-200 que combateram incêndios em Portugal serão fornecidas a EUA e Chile
    Caças Su-27 escoltam bombardeiros americanos perto da fronteira russa (vídeo)
    Análise: interesse dos EUA em torno do avião russo Be-200 se deve às vantagens dele
    Sistemas de defesa antiaérea russos S-500 são capazes de funcionar no espaço, afirma vice-diretor
    Tags:
    equipamento militar, militar, técnica, GPS, Pentágono, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar