15:50 18 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Submarino nuclear russo de classe Borei (foto de arquivo)

    Marinha da Rússia reforçará forças submarinas até 2023 (VÍDEO)

    © Sputnik / Sevmash
    Defesa
    URL curta
    6200

    Nos últimos três anos, as forças submarinas da Marinha da Rússia irão contar com cerca de 80 submarinos, inclusive seis novos navios do projeto 636 que atualmente estão em construção e entrarão em serviço da Frota do Pacífico, comunicou à Sputnik uma fonte informada sobre a situação.

    Hoje, as forças submarinas da Marinha russa contam com mais de 70 submarinos, inclusive submarinos estratégicos nucleares do projeto 955 Borei, submarinos 667 BDR (Delta III, na classificação da OTAN), navios multifuncionais 885 Yasen e 971 Schuka (Akula, na classificação da OTAN), submarinos a diesel dos projetos 636 e 877 Varshavyanka e submarinos de uso especial da classe 20120 Sarov.

    "Considerando a construção da nova série de seis submarinos do projeto 636 para a Frota do Pacífico, até 2023 a Marinha da Rússia será composta por cerca de 80 submarinos", revelou o interlocutor da Sputnik.

    Ao mesmo tempo, ele lembrou que o Ministério da Defesa russo está considerando a possibilidade de ampliar o grupo de porta-mísseis estratégicos nucleares da classe Borei de oito para 10.

    Anteriormente, o comandante da Frota do Norte da Rússia, almirante Nikolai Yevmenov, assegurou que a Frota do Norte também iria reforçar sua capacidade submarina até o final de 2019 adquirindo novos submarinos nucleares de grande potência.

    Em particular, trata-se dos novos submarinos Knyaz Vladimir e Kazan. Armado com mísseis balísticos, o Knyaz Vladimir é o principal submarino da classe 955 Borei-A, também conhecido como Borei II de quarta geração. O Kazan, da classe Yasen, é capaz de descer a uma profundidade de 520 metros e permanecer imerso por 100 dias.

    Mais:

    Veja de perto submarino estratégico nuclear russo Yuri Dolgoruky
    Marinha da Índia comenta declarações do Paquistão sobre detecção de seu submarino
    Marinha do Paquistão teria frustrado entrada de submarino indiano em suas águas (VÍDEO)
    Google Maps captura suposto submarino da Alemanha Nazi na Antártida (FOTO)
    Tags:
    submarino nuclear, reforço, Marinha da Rússia, Frota do Pacífico, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar