10:37 23 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    324
    Nos siga no

    O chefe interino da defesa dos EUA disse não ter discutido com John Bolton, o conselheiro de segurança nacional dos EUA, o envio de 5 mil soldados para a Colômbia no contexto da crise na Venezuela.

    A autoridade também disse que o Pentágono está monitorando de perto os eventos na Venezuela e apóia os esforços do Departamento de Estado e do Tesouro em apoio ao autoproclamado presidente do país caribenho, Juan Guaidó.

    "Obviamente, [o Departamento de] Estado e [o departamento de] Tesouro estão tomando medidas significativas para reconhecer a Assembleia Nacional [da Venezuela] e o presidente Guaidó. Estamos apoiando eles", disse o alto funcionário para a imprensa.

    Shanahan acrescentou: "Estamos acompanhando a situação com muito cuidado e estamos observando. Estamos trabalhando em tempo real".

    John Bolton foi visto em 28 de janeiro segurando um caderno amarelo com as inscrições "5 mil soldados na Colômbia".

    A crise política na Venezuela se agravou no dia 23 de janeiro, depois que o presidente da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, foi empossado pela oposição como "presidente encarregado" do país.

    O chefe de Estado venezuelano, Nicolás Maduro, que assumiu o segundo mandato em 10 de janeiro, descreveu a declaração de Guaidó como uma tentativa de golpe e culpou os EUA.

    Parte dos países latino-americanos, alinhados com os EUA, ignoraram Maduro e expressaram seu apoio a Guaidó. México e Uruguai, no entanto, se abstiveram de fazê-lo, oferecendo-se para mediar uma solução política para a crise. Já a Rússia, China, Irã e Turquia, reafirmaram seu apoio ao atual governo venezuelano.

    Mais:

    Análise: Colômbia pode enfrentar nova guerra caso se envolva na crise da Venezuela
    Colômbia não planeja conceder a EUA bases para invasão da Venezuela
    Guaidó viajou em segredo a EUA, Colômbia e Brasil antes da autoproclamação, diz mídia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar