23:58 05 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Instrutora do Ministério da Defesa russo manuseia controle de um drone

    Novo drone de combate russo poderá 'dificultar a vida' dos militares americanos, diz BI

    © Sputnik / Yevgeny Biyatov
    Defesa
    URL curta
    2245
    Nos siga no

    O novo veículo aéreo de combate não tripulado russo Okhotnik (Caçador, em russo), cujas imagens foram divulgadas recentemente nas redes sociais, pode dificultar significativamente a vida dos militares norte-americanos, relata o portal Business Insider.

    As imagens mostram um drone projetado de acordo com o padrão "asa voadora", apresentando semelhanças com o bombardeiro B-2 Spirit norte-americano, que, por sua vez, é a aeronave mais secreta dos EUA, observa o portal. 

    Os caças que têm velocidade supersônica e boa manobrabilidade precisam de cauda vertical, o que, segundo o Business Insider, provavelmente indica que, durante o desenvolvimento do drone de combate Okhotnik, o foco foi especialmente direcionado para a furtividade em detrimento da manobrabilidade e das capacidades de combate aéreo. 

    Veículo aéreo não tripulado russo Okhotnik (foto de arquivo)
    Veículo aéreo não tripulado russo Okhotnik (foto de arquivo)

    Por exemplo, os drones norte-americanos são usados apenas contra alvos terrestres, porque, devido à sua velocidade de voo subsônica, eles são um alvo fácil para caças inimigos, embora a indústria de defesa russa considere que o Okhotnik seria o protótipo de um caça de sexta geração, salientando sua capacidade de realizar combate aéreo, ressalta o Business Insider.

    Além disso, nas fotos de um dos caças Su-57, é possível ver o desenho de um aparelho do tipo "asa voadora" em sua quilha, junto com a silhueta de outro Su-57, o que, na opinião do autor, poderia significar a possibilidade de utilização conjunta dos drones com esses caças.

    Assim, no caso do uso conjunto deste drone de combate com o caça Su-57, a Rússia pode complicar significativamente o trabalho dos pilotos norte-americanos e projetistas militares, que, segundo eles, têm desvendado todas as capacidades das aeronaves russas, escreve o BI.

    Mais:

    Especialistas: consequências de um ataque de drone submarino russo seriam terríveis
    Drone americano faz missão de reconhecimento perto da Crimeia
    Drone atravessa fogos de artifício e grava VÍDEO fantástico
    Tags:
    veículo aéreo não tripulado, drone, B-2 Spirit, Su-57, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar