20:43 24 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Sistema de mísseis de quinta geração Yars durante o ensaio da Parada da Vitória

    Força Estratégica de Mísseis da Rússia ganhará reforços até o fim do ano

    © Sputnik / Yevgeny Biyatov
    Defesa
    URL curta
    4150

    A Força Estratégica de Mísseis da Rússia receberá até o fim do ano cerca de 100 novas peças de armamento, incluindo os sistemas de mísseis Yars, disse o Comandante da corporação, Coronel Sergei Karakaev.

    "Até o final do ano está previsto o fornecimento de cerca de 100 novas peças de armamento para as tropas, incluindo os sistemas de mísseis Yars de implantação estacionária e móvel", disse Karakaev ao jornal Krasnaya Zvezda em uma entrevista.

    Karakaev disse também disse que, em 2021, a divisão Uzhur será a primeira da Rússia a ser equipada com os novos mísseis balísticos intercontinentais Sarmat.

    "No âmbito do programa estatal de armamentos, a indústria russa está trabalhando no desenvolvimento do Sarmat, um novo complexo de mísseis pesados ​​com propulsores líquidos. O início das operações do exército com este complexo de mísseis está previsto para 2021 pelos regimentos da divisão Uzhur, que agora opera com o antecessor de Sarmat — o complexo de mísseis Voevoda", disse o militar.

    O Comandante da Força Estratégica de Mísseis da Rússia também disse que, em 2019, a divisão Dombarovsky está prestes a se tornar a primeira na Rússia a ser armada com os novos sistemas de mísseis hipersônicos Avangard.

    Mais:

    3 grupos estratégicos russos foram reequipados com sistemas de mísseis Yars
    Mídia tenta 'desnortear' a Rússia ao falar que ela não precisa de mísseis Avangard?
    Especialista desmente 'provocações' americanas sobre mísseis russos Avangard
    Novíssimo míssil russo Avangard 'reduz a zero' capacidades de defesa adversária
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar