19:15 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Navio russo Admiral Panteleev

    Frota russa do Pacífico e Marinha da Índia realizam manobras no golfo de Bengala

    © Sputnik / Vitaly Ankov
    Defesa
    URL curta
    9230
    Nos siga no

    Navios da Frota russa do Pacífico e da Marinha indiana realizaram disparos de artilharia contra alvos aéreos simulados, segundo informou o porta-voz da Frota do Pacífico, Nikolai Voskresensky.

    A ação faz parte das manobras russo-indianas Indra-2018, que decorrem no golfo de Bengala, no porto de Visakhapatnam.

    As manobras navais Indra-2018 contam com a participação do principal navio da Frota do Pacífico, o cruzador de mísseis Varyag, para além do navio antissubmarino Admiral Panteleev, do navio-tanque Boris Butoma e de seis outros navios de guerra da Marinha da Índia.

    Segundo Voskresensky, durante a fase operacional das manobras, os navios indianos e russos realizaram disparos de artilharia contra um alvo aéreo simulado e contra alvos de superfície à deriva no mar.

    Na primeira metade do dia, o treinamento prático foi conduzido como parte da inspeção operacional, na qual estiveram envolvidos os militares da Frota do Pacífico e das Forças Especiais da Marinha indiana.

    Durante o treinamento foram treinados os procedimentos padrão para averiguação e identificação de embarcações suspeitas, desembarque de equipes de inspeção e suas ações a bordo das embarcações. Na segunda metade do dia, as forças realizaram uma simulação de combate.

    As manobras navais Indra-2018 decorrem de 13 a 16 de dezembro, com a participação de mais de 10 navios de guerra e embarcações de apoio dos dois países, além de aviões e helicópteros da Marinha indiana.

    Mais:

    Marinha russa terá novo navio de assalto universal
    No caminho da modernização: Marinha russa reforça sua aviação naval
    Indústria naval confirma construção de novos navios anfíbios para Marinha russa
    Tags:
    exercícios conjuntos, manobras navais, míssil de cruzeiro, Marinha, Frota do Pacífico, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar