16:23 18 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    401
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Donald Trump, aprovou uma estratégia para impedir que grupos terroristas como o Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países) e demais extremistas adquiram armas de destruição em massa, informou a Casa Branca em comunicado à imprensa.

    "Hoje, o presidente Trump deu um passo decisivo para combater uma das mais graves dimensões da ameaça terrorista — a perspectiva de que o Daesh e demais grupos extremistas tentem usar armas de destruição em massa contra os Estados Unidos", disse o comunicado na segunda-feira (10).

    Segundo o comunicado, ao aprovar a estratégia nacional de combate ao uso de armas de destruição em massa por terroristas, Donald Trump enfatizou a urgência de "tirar do alcance das pessoas mais perigosas do mundo as armas químicas, biológicas, radiológicas e nucleares".

    A Casa Branca ressaltou que os EUA farão tudo para garantir que os terroristas não tenham acesso a armas de destruição em massa e material correspondente, além de pressionar os grupos terroristas que visem obter essas armas. O país também fortalecerá a proteção contra armas de destruição em massa dentro do seu território e no exterior.

    Mais:

    Sanções dos EUA contra Teerã são 'terrorismo econômico', afirma presidente do Irã
    Ucrânia tem potencial para criar armas nucleares, diz general ucraniano
    Se abandonar armas nucleares, Kim terá tudo o que quer de Trump, diz Moon
    Tags:
    armas de destruição em massa, armas nucleares, combate ao terrorismo, Daesh, Casa Branca, Donald Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar