16:31 12 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Satélite dos EUA

    Rússia testa seu novo 'assassino de satélites'

    CC BY 2.0 / Força Aérea dos EUA
    Defesa
    URL curta
    8361

    Em 27 de outubro a Rússia testou seu novo sistema de guerra eletrônica Tirada-2S, capaz de avariar satélites desde a terra e os detalhes do qual se mantêm em rigoroso segredo.

    "O sistema Tirada-2S já foi testado e uma comissão estatal apresentou suas recomendações", informou o jornal russo Rossiyskaya Gazeta.

    Em 30 de novembro de 2017, Oleg Achasov, vice-diretor do Instituto Central de Pesquisa Científica número 46, revelou que a Rússia está trabalhando no desenvolvimento de uma arma de neutralização de satélites.

    Em janeiro de 2018, uma fonte do Ministério da Defesa russo afirmou à mídia que o exército deveria receber sistemas capazes de desativar os satélites do inimigo. Segundo ele, a arma recebeu o nome de Tirada-2 e tem sido desenvolvida desde 2001. O sistema usaria ondas radioelétricas desde a terra, acrescentou ele.

    O Tirada-2 foi mencionado mais uma vez em agosto de 2018, durante o fórum militar EXÉRCITO 2018, quando o Ministério da Defesa da Rússia assinou um contrato para a entrega de um sistema de neutralização de satélites chamado Tirada-2.3. Segundo o ministério, a entrega da arma ao exército terá início antes do fim de 2018.

    Mais:

    Ministra da Defesa francesa acusa a Rússia de espionar satélite militar franco-italiano
    Como será o próximo satélite angolano construído com ajuda da Rússia?
    Tags:
    satélite, tecnologia, armas, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik