02:00 16 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Míssil de médio alcance norte-americano, Pershing II

    Senador russo prevê retorno à modernização de mísseis dos EUA com tempo de voo muito curto

    © flickr.com / Daniel DeCristo
    Defesa
    URL curta
    Provável saída dos EUA do Tratado INF (23)
    4412

    Os EUA têm a possibilidade de reanimar tecnologias elaboradas no âmbito do programa de modernização de mísseis Pershing, particularmente o Pershing II, cujo posicionamento nos Países Bálticos e na Polônia reduziria o tempo de voo até 10-12 minutos, comunicou à Sputnik o senador russo Vladimir Shamanov.

    Em 20 de outubro, Donald Trump declarou a intenção dos EUA de se retirarem do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário, explicando-a com alegadas violações da parte russa das condições do acordo. Os Estados Unidos continuarão a desenvolver seu estoque de armas nucleares até que as nações do mundo "recobrem o senso", disse o presidente dos EUA.

    O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, rejeitou as acusações, ressaltando que o desmantelamento do acordo forçaria a Rússia a tomar medidas para garantir sua segurança. O chanceler russo Sergei Lavrov declarou que qualquer ação nesta esfera irá enfrentar uma reação.

    "Nós sabemos e falamos que os próprios americanos violam o tratado. Antes de mais, o fato de que seus mísseis antibalísticos com a mudança de ogiva se tornam em armamento ofensivo com tempo de voo muito curto. Falo da Polônia e Romênia", comentou o senador Vladimir Shamanov.

    Segundo ele, os EUA têm a possibilidade de reanimar suas tecnologias elaboradas no âmbito do programa de modernização de mísseis Pershing, particularmente o Pershing II. O posicionamento desses mísseis nos Países Bálticos e na Polônia reduziria o tempo de voo até 10-12 minutos, o que é inadmissível para a Rússia, destacou o senador.

    Tema:
    Provável saída dos EUA do Tratado INF (23)

    Mais:

    Com armas 'suficientes para destruir mundo', o que está motivando acúmulo nuclear dos EUA?
    Inédito drone marítimo poderá brevemente equipar Marinha dos EUA
    Especialista militar revela o 'grande problema' dos modernos caças dos EUA
    Análise: EUA podem estar modificando estratégia de dissuasão nuclear
    Trump: EUA aumentarão arsenal nuclear até que Rússia e China 'recobrem o senso'
    Tags:
    violação, Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF), mísseis balísticos, modernização, senador, Sergei Lavrov, Donald Trump, Dmitry Peskov, Romênia, Polônia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik