00:53 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Submarino russo (imagem referencial)

    Submarinos russos são uns dos mais letais do mundo, diz almirante americano

    © Foto: Sevmash
    Defesa
    URL curta
    3182

    Almirante da Marinha dos EUA na Europa e África, James Foggo, considera os submarinos russos uns dos melhores do mundo. A declaração do oficial foi publicada no site do Instituto Naval dos EUA.

    "Eu acredito que os submarinos russos são uns dos mais silenciosos e letais do mundo", afirmou o almirante, não se esquecendo de elogiar, obviamente, os submarinos da Marinha dos Estados Unidos.

    O oficial não perdeu a chance de falar sobre os mísseis russos kalibr que têm sido usados em sistemas de defesa costeira, aeronaves e submarinos e "têm mostrado a habilidade de acertar praticamente todas as capitais europeias de qualquer ponto da água que circunda a Europa".

    James Foggo acredita que os submarinos russos estejam no Atlântico testando a defesa da OTAN.

    "Nós sabemos que os submarinos russos estão no Atlântico, testando nossas defesas, confirmando nosso comando dos mares e preparando uma complexa batalha subaquática para ganhar vantagem caso haja conflito futuramente. E nós precisamos negá-los qualquer vantagem."

    Mas as regiões que causam preocupação ao almirante quanto à presença da Rússia não se limitam à Europa.

    "A Rússia tem renovado suas capacidades no Atlântico Norte e no Ártico em lugares que não era vista desde a Guerra Fria."

    Foggo acredita que a elevação da capacidade e do poder da Marinha da Rússia se deva aos grandes investimentos do país.

    Mais:

    Novo submarino russo com propulsão diesel-elétrica foi lançado à água em São Petersburgo
    Conheça o submarino soviético K-178, o primeiro a atravessar o Ártico com mísseis a bordo
    Conheça o submarino russo 'mais avançado de sua classe'
    Tags:
    míssil, força letal, disputa marítima, Marinha, Kalibr, submarino, Atlântico Norte, Ártico
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik