21:49 19 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Ogiva hipersônica, imagem ilustrativa

    Força Aérea dos EUA libera US$ 480 milhões para protótipo de arma hipersônica

    CC0
    Defesa
    URL curta
    1037

    A Força Aérea dos EUA concedeu US$ 480 milhões à fabricante de armas Lockheed Martin para iniciar o projeto de um segundo protótipo de arma hipersônica, informou o Departamento de Defesa em um comunicado à imprensa.

    "Hoje a Força Aérea concedeu um contrato com valor máximo de US$ 480.000.000 à Lockheed Martin Missiles & Fire Control para começar a projetar um segundo protótipo de arma hipersônica", disse o comunicado divulgado nesta segunda-feira. "Este contrato fornecerá a revisão crítica de projeto, teste e suporte à prontidão de produção para a Arma de Resposta Rápida de Lançamento Aéreo (ARRW)". 

    Sob o Ato de Autorização de Defesa Nacional de 2019 assinado hoje pelo presidente Donald Trump, os Estados Unidos irão acelerar seu programa de defesa de mísseis hipersônicos e fornecerão um relatório dentro de 90 dias aos comitês de defesa do Congresso.

    Em abril, a Força Aérea dos EUA concedeu um contrato de US$ 930 milhões à Lockheed Martin para desenvolver o primeiro protótipo de uma arma hipersônica.

    A questão das armas hipersônicas é uma preocupação estratégica para a Defesa dos Estados Unidos, uma vez que o país não dispõe de recursos para responder em caso de ataques com esse tipo de armamento, presente nos arsenais de Rússia e China.

    Mais:

    China usa com sucesso tecnologias hipersônicas na esfera de defesa
    Pentágono se preocupa com avanço da Rússia e da China na criação de armas hipersônicas
    Análise: Rússia é líder absoluto no desenvolvimento de armas hipersônicas de alta precisão
    Tags:
    armas hipersônicas, Lockheed Martin, China, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik