01:07 24 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    F-35B fighter jet

    Aviso a Pequim? EUA enviam em segredo porta-aviões com caças F-35 ao Pacífico

    © AP Photo / Ross D. Franklin
    Defesa
    URL curta
    221133

    A Marinha dos EUA posicionou, sem qualquer aviso, seu porta-aviões USS Essex com uma série de caças furtivos de quinta geração F-35B, junto com o navio de transporte anfíbio USS Anchorage e o navio de desembarque USS Rushmore, na zona oeste do Pacífico, informa a mídia.

    De acordo com o portal USNI News, que cita um oficial da Frota do Pacífico dos EUA, embora este tipo de posicionamentos geralmente seja anunciado pelos militares com antecedência, a Marinha dos EUA informou sobre a partida destes navios somente depois de eles terem deixado o porto de San Diego, no estado da Califórnia, nesta quinta-feira (13).

    Conforme relataram várias fontes da edição, a Marinha pretende, deste modo, "mudar as expectativas" em relação a "que tipo de informação as pessoas podem esperar" quanto ao posicionamento de navios no Pacífico.

    Já o blogueiro militar Alex Lockie opina, em um artigo da Business Insider, que Washington quer indicar desta forma (mantendo as suas forças "em silêncio" nesta parte do oceano), que controla Pequim com seu "moderno material bélico" e não através de "comunicados de imprensa", dado que a China representa a maior ameaça para os EUA no Pacífico.

    Mais:

    Alternativa aos F-35 estadunidenses: Europa desenvolve seu próprio caça de 6ª geração
    Washington descobre 'assassino' do caça F-35 norte-americano
    Que significa decisão da Itália de não comprar caças F-35?
    Tags:
    caça, porta-aviões, F-35, Marinha dos EUA, Pacífico, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik