02:55 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Os mísseis hipersônicos do sistema Kinzhal, que equipam os inovadores caças interceptores, são capazes de eliminar porta-aviões, destróieres e cruzadores do inimigo

    Bombardeiro russo Tu-22M3 poderá portar 4 mísseis hipersônicos Kinzhal

    © Sputnik / Iliya Pitalev
    Defesa
    URL curta
    6321

    O bombardeiro estratégico russo Tu-22M3 será equipado com os novíssimos mísseis Kinzhal, revelou à Sputnik uma fonte na indústria de defesa.

    "O Tu-22M3, no qual os mísseis Kinzhal serão testados, poderá portar até quatro mísseis deste tipo", disse o interlocutor da agência.

    Agora estes mísseis são instalados nos caças MiG-31BM (um míssil por avião), que têm menor alcance em comparação com as aeronaves estratégicas.

    Conforme notou o especialista militar Viktor Murakhovsky, os Tu-22M3 irão ser adaptados para poderem transportar esse número de mísseis.

    "Será necessária uma modernização séria do equipamento radioeletrônico e fortalecimento da suspensão externa na qual os mísseis serão fixados. Pelo visto, estes aspetos serão verificados durante os testes", disse Murakhovsky.

    Conforme ele, o Tu-22M3 com os Kinzhal poderá combater eficazmente contra grupos aéreos de um inimigo potencial. Murakhovky ressaltou que quatro mísseis Kinzhal vão permitir ao bombardeiro aumentar significativamente as chances de atingir alvos importantes protegidos com sistemas de defesas antiaérea e antimíssil.

    Mais:

    Rússia está desenvolvendo bombardeiro estratégico mais potente, revela imprensa
    Mídia dramatiza impotência dos EUA diante das armas hipersônicas da Rússia
    Que modernizações passa MiG-31 para portar novíssimos mísseis Kinzhal?
    Tags:
    caças, Kinzhal, míssil hipersônico, bombardeiro estratégico, MiG-31, Tu-22M3, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik