08:27 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Submarino norte-americano da classe Virginia SSN 774 USS (foto de arquivo)

    Melhores submarinos dos EUA enfrentam problema sério, adverte mídia americana

    US Navy photo
    Defesa
    URL curta
    241

    Os submarinos dos EUA da classe Virginia enfrentam um sério problema, comunicou a edição norte-americana The National Interest.

    Os submarinos polivalentes nucleares da classe Virginia são considerados uns dos melhores de seu tipo que hoje em dia continuam sendo amplamente utilizados pela Marinha dos EUA, assinalou a edição.

    A Marinha norte-americana aumentou de 30 para 48 o número de submarinos dessa classe que tenciona encomendar. Talvez no futuro próximo sua quantidade cresça, já que a Marinha do país planeja aumentar o número de submarinos nucleares polivalentes de 48 para 66. Claro que, com o tempo, os EUA passarão a usar submarinos da geração seguinte.

    A construção dos submarinos da classe Virginia na versão Block V se iniciará em 2019. Estes serão dotados de módulos de carga útil. Cada módulo será composto por quatro lançadores com sete mísseis cada. Entretanto, os norte-americanos também têm outros planos no que se refere à modernização de submarinos da classe Virginia.

    Conforme o Plano de Evolução de Submarinos Táticos (TSEP, sigla em inglês), a Marinha dos EUA pretende renovar os submarinos à medida do surgimento de novas tecnologias, sem aguardar pela modificação Block VI. Dessa forma, desaparecerá a diferença entre os "blocos" V, VI, VII e os submarinos promissores que substituirão o Virginia.

    Contudo, a Marinha dos EUA encara um problema sério, apontou a mídia. É que o potencial de modernização dos submarinos da classe Virginia praticamente se esgotou. Em algum momento, a Marinha dos EUA precisará passar a utilizar submarinos novos, embora tenha sido planejado fazê-lo só depois de 2034. No momento, não se sabe se esses submarinos surgirão antes ou depois da data prevista.

    "Existem algumas exigências que essa plataforma já não pode cumprir", afirmou ainda em 2017 Brian T. Howes, que ocupava então o cargo de diretor da Divisão de Guerra Submarina da Marinha dos EUA, falando sobre os submarinos da classe Virginia. De acordo com ele, os militares norte-americanos se esforçarão para conseguir o máximo do Virginia, criando simultaneamente espaço para desenvolvimento de novos submarinos. Caso parte das exigências não possa ser atendida no âmbito da modernização do tipo de submarinos existente, elas serão levadas em consideração na criação de novos projetos. Existe a probabilidade de que a criação de novos submarinos se inicie antecipadamente.

    Segundo a edição, os EUA se vêm forçados a modernizar permanentemente sua frota submarina para poder responder a novas ameaças tais como, por exemplo, os submarinos russos do projeto 855 Yasen.

    Mais:

    Rússia desenvolverá submarino robótico para condições árticas
    Submarino turco afunda navio-cisterna no mar Negro com torpedo (VÍDEO)
    Submarino nuclear made in Brazil: por que não, mas e o dinheiro?
    Tags:
    problemas, submarino, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik