14:49 14 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Navios de combate litoral USS Independence (LCS 2), à esquerda, and USS Coronado (LCS 4) à direita.

    Marinha norte-americana receberá novo míssil antinavio NSM

    © flickr.com/ U.S. Pacific Fleet
    Defesa
    URL curta
    256

    Marinha dos EUA receberá novos mísseis antinavio de longo alcance produzidos pela empresa norueguesa Kongsberg Defence Systems e apresentados pelo consórcio Kongsberg e pela empresa norte-americana Raytheon.

    Segundo o portal Defense News, o valor inicial do contrato é de 14 milhões de dólares (R$ 53 milhões). Entretanto, no futuro esse valor pode atingir 848 milhões de dólares (3,14 bilhões) durante todo o prazo de vigência do contrato.

    O NSM ganhou a competição, superando seus principais concorrentes: AGM-158C LRASM da Lockheed Martin e RGM-84 Harpoon da Boeing.

    No âmbito do programa Littoral Combat Ship, os EUA desenvolveram dois projetos de navios de combate litorâneos. O primeiro, apresentado pela Lockheed Martin, é um navio rápido monocasco. O navio do outro projeto, desenvolvido pela empresa General Dynamics, é um trimarã.

    Espera-se que no âmbito do programa sejam produzidos entre 55 e 60 navios, que substituirão as fragatas da classe Oliver Hazard Perry e os draga-minas Avenger. Os navios de ambos os projetos podem atingir a velocidade de 45 nós e percorrer mais de 3.500 milhas náuticas sem reabastecer.

    Mais:

    Índia testa com sucesso míssil de cruzeiro supersônico BrahMos
    Ministério da Defesa da China revela segredo do seu novo míssil balístico
    Moscou: nenhum míssil dos EUA entrou no raio do escudo antiaéreo russo na Síria
    Tags:
    míssil, Raytheon, Lockheed Martin, Marinha dos EUA, Boeing, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik