06:19 22 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Sistema de mísseis Iskander

    Por que Rússia fortalece defesa antiaérea em seu enclave ocidental?

    © REUTERS / Sergei Karpukhin
    Defesa
    URL curta
    6261

    O editor-chefe adjunto da revista russa Arsenal Otechestva, Dmitry Drozdenko, comentou o artigo da revista norte-americana The National Interest, que considerou a região russa de Kaliningrado “armada até os dentes” como o pior pesadelo da OTAN.

    "Kaliningrado é um território do nosso país. Podemos posicionar aqui tudo o que consideramos necessário. Já as armas norte-americanas da OTAN estão instaladas onde elas não deviam estar. Não no território do estado do Arizona ou em San Diego, mas no território da Europa", disse ele ao RT.

    Exercícios de desembarque de tropas na região de Kaliningrado
    © Sputnik / Igor Zarembo
    Drozdenko acrescentou também que as armas russas, incluindo os sistemas de mísseis Iskander, servem em primeiro lugar para a defesa da Rússia.

    "Não os posicionamos ali até os EUA terem começado a instalar sistemas de defesa antiaérea que podem ter não apenas uma função antimíssil, mas, tendo em consideração sua universalidade, também serem usados em ataques. Ou seja, de fato nós nos defendemos em uma situação em que milhares de unidades de equipamento militar se aproximam cada vez mais das nossas fronteiras", explicou ele.

    "Os sistemas instalados em Kaliningrado cobrem com sua zona de alcance os sistemas de defesa antimíssil e as bases norte-americanos que estão na Europa, criando assim, como eles dizem, uma ameaça de ataque de retaliação. Mas nós sabemos perfeitamente que a Rússia não será a primeira a atacar", concluiu o analista.

    Anteriormente, a revista The National Interest declarou que o pior pesadelo da OTAN é "Kaliningrado armada até os dentes". Segundo a edição, a maior ameaça vem do sistema de mísseis Iskander-M, que poderá efetuar ataques pontuais contra os objetivos navais na Polônia e no Báltico.

    Mais:

    Graças aos Kalibr russos, Mediterrâneo já não é um 'lago' da OTAN, afirma jornalista
    Dinamarca terá 'área de diversão' para caças F-35 da OTAN
    OTAN constata 'recuperação notável' do exército russo
    Tags:
    sistema de defesa antiaérea, Iskander-M, The National Interest, OTAN, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik