14:41 19 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Caça MiG-31 armado con o míssil hipersônico Kinzhal

    Que modernizações passa MiG-31 para portar novíssimos mísseis Kinzhal?

    © Sputnik / Ilia Pitalev
    Defesa
    URL curta
    4330
    Nos siga no

    Para portar o novíssimo sistema de mísseis Kinzhal, o caça hipersônico MiG-31 passou por várias modificações complexas. Além disso, foram desenvolvidos métodos de uso de combate da aeronave, bem como foram preparadas tripulações especiais para realizar as missões.

    Devido à combinação de suas características únicas, o caça MiG-31 foi o candidato perfeito para transportar os mísseis Kinzhal. O avião é capaz de atingir a velocidade máxima de 3.500 km/h e alcançar uma altitude de 20 quilômetros.

    No entanto, muitas modificações foram necessárias para preparar a aeronave para tal missão, assinalaram os autores da matéria publicada no jornal russo Izvestiya.

    Essa necessidade deve-se às diferenças entre seu objetivo inicial como interceptador e sua nova função de ataque. De fato, as modificações foram feitas tanto na estrutura da aeronave quanto em seu equipamento radioeletrônico.

    Assim, o potente radar que o MiG-31 precisava para executar suas funções de interceptor foi desinstalado. Desta forma, especialistas conseguiram aumentar o volume de seus tanques de combustível, o que por sua vez aumentou o tempo de patrulhamento que a aeronave pode realizar.

    A cabine da tripulação também foi reequipada para assegurar o controle do míssil hipersônico Kinzhal. Foi instalado também um novo equipamento de comunicação que permite receber sinais de localização do alvo. 

    O tamanho e peso do Kinzhal também exigiram mudanças na estrutura da aeronave. Além disso, os motores da aeronave foram modificados para que o lançamento dos mísseis possa ser efetuado a uma maior velocidade.

    Curiosamente, os autores do artigo enfatizam que as tripulações dos novos MiG-31K tiveram que receber treinamento adicional, uma vez que durante voo a nova modificação do caça se comporta um pouco diferente quando é um interceptador.

    O treinamento teve que ser realizado com técnicas especiais de decolagem devido à forma do míssil e ao manuseio da aeronave no ar porque o centro de gravidade se desloca pelo peso do míssil.

    De fato, a aeronave serve como primeira etapa para o lançamento do míssil hipersônico Kinzhal, uma versão modificada do míssil balístico Iskander. Ao receber a ordem, o avião acelera e aumenta a altitude antes de lançar o míssil. Desta maneira, é possível aumentar drasticamente o alcance e a velocidade do míssil.

    De acordo com o vice-ministro da Defesa da Rússia, Yuri Borisov, atualmente dez caças MiG-31K tinham sido adaptados para portar mísseis Kinzhal. Os mísseis possuem um alcance de 2 mil quilômetros, sua velocidade é dez vezes maior que a do som. Para dificultar ainda mais sua interceptação, o míssil realiza manobras ao longo de sua trajetória.

    Mais:

    Caça-interceptor MiG-31 passa por modernização para portar novos mísseis russos
    Combate na estratosfera: MiG-31 russos destroem míssil hipersônico
    Tags:
    modernização, caça, míssil, Kinzhal, MiG-31, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar