19:14 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Fragata Admiral Essen dispara mísseis de cruzeiro Kalibr contra instalações do Daesh na Síria

    Putin: navios russos com mísseis Kalibr a bordo entram em serviço no mar Mediterrâneo

    © Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia
    Defesa
    URL curta
    13631

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, revela detalhes da presença militar da Marinha do país no mar Mediterrâneo, nomeando seus objetivos principais na região.

    Segundo declarou o presidente da Rússia, Vladimir Putin, os navios da Marinha equipados com mísseis Kalibr iniciaram seu serviço permanente no mar Mediterrâneo.

    "No ano corrente estão planejadas 102 viagens de navios e submarinos. Entretanto, considerando a ameaça continuada da atividade terrorista na Síria e no Mediterrâneo, nossos navios com mísseis de cruzeiro Kalibr irão estar em serviço de combate permanente", afirmou o líder russo.

    O chefe de Estado russo destacou que nos últimos anos a geografia da presença da Marinha da Rússia tem se alargado significativamente, principalmente no mar Mediterrâneo, no Atlântico Norte e nas águas do Círculo do Pacífico.

    Além disso, o presidente sublinhou que o "alto nível de prontidão militar e de eficácia da Marinha da Rússia é um fator importantíssimo para a segurança econômica do país, a manutenção do equilíbrio estratégico e é, em geral, um meio crucial para garantir nossos interesses nacionais".

    Ademais, "é também uma demonstração da nossa bandeira nas áreas-chave do oceano global", ressaltou.

    A esquadra russa que atualmente opera no mar Mediterrâneo de modo permanente inclui 15 navios de combate e embarcações de apoio. Entre eles estão as fragatas Admiral Essen e Admiral Grigorovich, bem como submarinos diesel.

    Mais:

    Especialista nomeia objetivos principais das manobras russas no Mediterrâneo
    Grupo de ataque dos EUA permanecerá no Mediterrâneo para 'conter a Rússia'?
    Aviões de reconhecimento dos EUA ocupam posições estratégicas no Mediterrâneo
    Agência europeia alerta Mediterrâneo quanto a possíveis ataques aéreos à Síria em 72h
    Tags:
    mísseis de cruzeiro, navios de guerra, serviço militar, Kalibr, Marinha da Rússia, Vladimir Putin, Mar Mediterrâneo, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik