12:29 23 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Lançamento de míssil balístico do complexo tático-operacional Iskander-M no polígono Kapustin Yar, na região de Astrakhan

    Rússia está aperfeiçoando sistema de defesa apocalíptico 'Mão Morta', teme mídia britânica

    © Sputnik / Stringer
    Defesa
    URL curta
    Novo arsenal da Rússia (40)
    13651

    O jornal britânico Daily Star recordou a existência do sistema que controla um golpe nuclear.

    O sistema Perimetr, conhecido no Ocidente como Mertvaya Ruka ("Mão Morta" em russo) é um complexo automatizado de controle de um golpe nuclear massivo de resposta, elaborado na União Soviética durante a Guerra Fria como último recurso para se defender de um agressor.

    Um dos especialistas principais em desarmamento, Bruce Blair, declarou em entrevista ao jornal que o sistema ainda funciona e que até está sendo aperfeiçoado.

    Contudo, apesar da "ideia assustadora" da própria existência do sistema, o Perimetr contribui para a redução de riscos de uma guerra nuclear. Para o especialista, o Perimetr é um meio acessível e ético de prevenir uma guerra nuclear.

    "A existência da 'Mão Morta' significa que o Ocidente vai pensar duas vezes se quiser utilizar asmas nucleares", escreve a edição.

    Com isso, Blair expressou a opinião de que, se o Perimetr for vulnerável a ciberataques, vai representar uma ameaça à segurança mundial.

    Em 1 de março de 2018, o presidente russo Vladimir Putin falou sobre um leque de novos armamentos que a Rússia começou a produzir recentemente, incluindo as armas hipersônicas. Posteriormente, o líder russo precisou que a Rússia pode usar armas nucleares só como medida de retaliação.

    Tema:
    Novo arsenal da Rússia (40)

    Mais:

    Rússia comprova que pode criar arma mais avançada do mundo, diz analista
    Novas armas russas recebem nomes após votação popular
    Novas armas russas provam que no mundo é 'impossível alcançar superioridade militar'
    Tags:
    Guerra Fria, nuclear, ataque, armas, Perimetr, Vladimir Putin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik