07:04 31 Março 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    7112
    Nos siga no

    A corporação estatal ucraniana da área de defesa, Ukroboronprom, declarou que a Rússia estaria "roubando" seus contratos no exterior, prejudicando assim o desempenho do grupo.

    "A Rússia está adotando medidas para expulsar as empresas ucranianas dos mercados internacionais, nos quais os interesses da Ucrânia e da Rússia coincidem na busca por contratos relacionados à manutenção e modernização de equipamento de produção soviética", informou uma declaração no site da companhia.

    A corporação estatal, que reúne praticamente todas as empresas do setor de defesa na Ucrânia, afirma que Moscou estaria recorrendo a métodos desleais de concorrência.

    "A parte russa tem recorrido à tática de, por exemplo, na véspera de uma licitação, enviar cartas para os clientes, exigindo a retirada das empresas ucranianas da lista de concorrentes", alegou a corporação. 

    A Ukroboronprom tem enfrentado dificuldades financeiras. O primeiro-ministro da Ucrânia, Vladimir Groisman, durante reunião do governo, já declarou que pretende demitir o presidente da corporação, Roman Romanov.

    Mais:

    Putin: setor civil é prioridade da indústria de defesa da Rússia
    Confira os destaques da feira internacional da indústria de defesa
    SIPRI: Rússia aumenta a participação no mercado internacional de armamentos, EUA lideram
    Especialista: Rússia faz EUA recuarem no mercado de armamentos
    Rússia deve exportar cerca de US$ 50 bi em armamentos
    Tags:
    indústria de defesa, contratos, defesa, Ukroboronprom, Vladimir Groisman, Roman Romanov, Rússia, Ucrânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar