18:19 13 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    17717
    Nos siga no

    A Força Aérea Real (RAF, na sigla em inglês) enviou dois caças multifuncionais Typhoon para tentar interceptar dois bombardeiros russos próximo do litoral da Escócia.

    De acordo com a edição The Daily Mail, o incidente, ocorrido na manhã de 20 de setembro, é mais um de uma série de recentes ocorrências entre a RAF e a Força Aérea da Rússia. 

    Os dois aviões britânicos partiram do aeroporto de Lossiemouth para interceptar dois bombardeiros russos, mas a tentativa foi malsucedida, porque os aviões da  Força Aérea da Rússia deram a volta e conseguiram escapar.

    Além disso, um avião Voyager A-330 levantou voo da base da RAF de Brize Norton, em Oxfordshire, para reabastecer os aviões enquanto estes patrulhavam o espaço aéreo britânico no mar do Norte.

    A edição britânica lembrou um incidente semelhante entre a RAF e a Força Aérea Russa que ocorreu em maio deste ano. Naquela ocasião, dois Typhoons e um avião de longo curso Voyager também foram enviados para interceptar aviões russos.

    Entretanto, o Ministério da Defesa da Rússia afirmou repetidamente que todos os voos da Força Aérea da Rússia são realizados no respeito estrito pelas normas internacionais de utilização do espaço aéreo sobre águas neutras, sem violar as fronteiras de outros países.

    Mais:

    Testes do novo blindado Typhoon serão finalizados ainda este ano
    Grã-Bretanha envia caças Typhoon para interceptar bombardeiros russos
    Tags:
    aviação, caças, Typhoon, Força Aérea da Rússia, RAF, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar