04:55 29 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    9412
    Nos siga no

    A informação sobre os fornecimentos do material bélico da fábrica Uralvagonzavod foi publicada pela empresa. De acordo com a informação publicada no site da empresa Uralvagonzavod, foi identificado que o país que planeja adquirir 146 tanques russos T-90MS é o Kuwait

    O Egito também mostra seu interesse pela produção da Uralvagonzavod. Estão sendo realizadas negociações para criação de uma fábrica de montagem de T-90S/SK no território deste país, comunica o jornal Rossiyskaya Gazeta.

    Após a deterioração das relações entre Cairo e Moscou, os tanques soviéticos foram substituídos pelos Abrams norte-americanos.

    Os tanques dos EUA Abrams, os Leopard da Alemanha e os T-90S russos são ativamente utilizados na luta contra o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia). Os combates reais mostraram que os tanques ocidentais equipados com a aparelhagem mais moderna não são superiores ao tanque russo, exceto no seu preço. Além do mais, o equipamento russo se verificou ser mais confiável, resistente e ter manutenção mais simples.

    Não é surpreendente que o interesse, não só pelo T-90, mas também pelo T-72, está aumentando em todas as partes do mundo.

    Espera-se que em 2017 o Vietnã receba 64 tanques T-90S/SK, o Iraque – 73 tanques, a índia vai completar o seu contingente de T-90S com os mais modernos T-90SM., acrescenta o Rossiyskaya Gazeta.

    Tanque T-90.
    © Sputnik / Grigoriy Sisoev
    Tanque T-90.

    Mas quais são as caraterísticas do T-90SM que atraem os potenciais clientes? Com um peso de mais de 40 toneladas, este tanque atinge facilmente a velocidade de 70 km/h, tem uma grande manobrabilidade e possui uma blindagem confiável.

    O tanque também possui, além da blindagem pesada, meios de defesa dinâmica de nova geração. Ela não só contraria a ação cumulativa, mas também quebra os elementos destrutivos de projeteis subcalibre e perfurantes.

    O blindado tem um dos mais recentes e modernos sistemas de direção, com muitos elementos adotados do T-14 Armata, o tanque também possui dois potentes aparelhos de ar condicionado.

    A popularidade do material blindado russo é comprovada pelo concurso, que ganha cada vez mais popularidade, chamado “Biatlo de Tanques”, realizado na Rússia. Nos primeiros jogos participaram as tripulações de apenas quatro países – Armênia, Bielorrússia, Cazaquistão e Rússia.

    Em 2016, representantes de 17 países chegaram à povoação de Alabino, onde foi realizado o concurso. Neste ano, militares de mais de 20 países participarão dos jogos militares que não têm análogos no mundo.

    Mais:

    M1 Abrams vs. T-90: qual é mais vulnerável?
    Que chances tem o Armata russo em combate contra Abrams americano?
    Tags:
    análogo, capacidade militar, tripulação, tanque, concorrência, mercado, produção, Biatlo de Tanques, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar