23:57 19 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Militares russos

    Made in Russia: capa de invisibilidade é criada para soldados e veículos militares

    © Sputnik / Alexey Filippov
    Defesa
    URL curta
    10282

    Os cientistas russos da Universidade estatal de Saratov desenvolveram um material capaz de tornar militares e veículos blindados russos invisíveis para os radares do inimigo.

    "A nova tecnologia permitirá oferecer propriedades radioabsorventes praticamente para qualquer material sem alterar sua massa e outros parâmetros. Quer dizer, permite tornar invisíveis os combatentes vestidos com um uniforme comum para os radares de inteligência", comunicou um representante do consórcio russo Traktornye Zavody, que foi citado pela mídia russa.

    O novo desenvolvimento dos cientistas de Saratov é diferente de outras redes e capaz de ser camuflado porque pode ser aplicado em uma grande variedade de tarefas. Além disso, permite criar capas de invisibilidade com efeito de membrana para os militares.

    "Para receber o efeito de membrana, o tecido é submetido a um tratamento com uma fina cobertura de fluoropolímero com propriedades especiais. Os tecidos de membrana são utilizados na produção de roupa esportiva e uniforme militar. Com uso deste tipo de tecidos será possível aumentar o conforto dos militares que prestam serviço em condições extremas", explicam os inventores.

    Anteriormente, foi divulgada a informação que o Exército russo testou o novo material de camuflagem, produzido com tecido de ferrite.

    Seus fios foram entrelaçados de tal maneira que, durante a digitalização eletrônica, os contornos brancos, que cobrem o material, passaram despercebidos pelas telas de controle, mostrando somente uma mancha difusa. Ainda por cima, este material é capaz de esconder equipes em movimento.

    Mais:

    Rússia detectou o lançamento de 40 mísseis em todo o mundo durante 2016
    Rússia revela detalhes das recém-iniciadas manobras Irmandade Eslávica 2017
    Tags:
    invento, novas tecnologias, armas, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar