07:01 28 Março 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    10251
    Nos siga no

    O começo da produção em série do sistema termoacústico de reconhecimento de artilharia Penicillin (Penicilina), que pode reduzir consideravelmente o tempo de detecção e supressão da artilharia de inimigo, está planejado para o início do ano de 2019, informa o serviço de imprensa da companhia Roselectronica.

    "Atualmente estão terminando os testes estatais do sistema. A produção em série está planejada para janeiro de 2019", diz o comunicado.

    Foi destacado que o sistema funciona a uma distância segura do inimigo, o que permitirá reduzir os riscos para a vida dos batedores que direcionam o fogo a partir da primeira linha. O Penicilina pode funcionar sem intervenção de um operador em regime totalmente automático para minimizar o “fator humano”, bem como detectar novos alvos, que antes não podiam ser descobertos por aparelhos semelhantes. Como exemplo foram mencionados os lançadores múltiplos de foguetes e os mísseis táticos antiaéreos.

    O Penicilina pode efetuar o apoio ao fogo tanto a uma só bateria como a cada bateria alternadamente. Além disso, o aparelho permite manter a interação com os centros de controle de nível tático e operacional. A distância de alcance da comunicação via rádio é de cerca de 40 km.

     

    Mais:

    Navios da Frota do mar Negro realizaram exercícios com artilharia
    Fragata russa Admiral Grigotovich realiza exercícios de artilharia no Mediterrâneo
    Tags:
    reconhecimento, inovação, Roselektronika, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar