19:17 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Bombardeiro estratégico Tu-95 sendo reabastecido por uma aeronave Il-78

    Fox News: EUA enviam caças para interceptar TU-95 russos no Alasca

    © Sputnik/ Mikhail Klimentyev
    Defesa
    URL curta
    2233781410

    A Força Aérea norte-americana, mais uma vez, enviou caças para interceptar os aviões russos na área do Alasca, informa o canal de televisão Fox News, citando fontes oficiais militares. De acordo com o canal, dois bombardeiros estratégicos russos TU-95, escoltados por dois caças SU-35 norte-americanos, patrulharam a zona de defesa aérea dos EUA.

    A Força Aérea dos EUA enviou dois caças F-22 para intercepção e escolta de aeronaves russas, que estavam patrulhando o espaço aéreo a aproximadamente 96 km a sudoeste da cidade Chariot, no estado do Alasca.

    Os representantes oficiais informaram ao Fox News que os aviões russos não estavam armados e durante todo o voo cumpriram os limites do espaço aéreo internacional.

    Em abril, militares norte-americanos comunicaram que os bombardeiros russos, durante quatros dias seguidos, realizaram patrulhamento aéreo na área do Alasca, frisando que o espaço aéreo dos EUA não foi violado.

    Porém, as aeronaves russas entraram na zona de defesa aérea, onde os militares norte-americanos solicitam informações sobre voo militar e civil.

    Mais:

    Passo perigoso: caças do Canadá foram enviados para interceptar Tu-95 perto do Alasca
    Mídia: bombardeiros russos voam pela quarta noite perto da costa do Alasca
    Tags:
    espaço aéreo, bombardeiros, Departamento de Defesa dos EUA, Rússia, EUA, Alasca
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik