19:46 15 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Bombardeiros estratégicos russos Tu-95MS durante vôos de treinamento para a parada militar de 9 de maio de 2016

    Moscou confirma interceptação de aviões russos perto do Alasca

    © Sputnik/ Evgueniya Novojenina
    Defesa
    URL curta
    345

    O Ministério da Defesa da Rússia confirmou nesta quarta-feira que dois bombardeiros russos Tu-95MS foram escoltados por aviões das Forças Armadas dos Estados Unidos perto da costa do Alasca, negando a ocorrência de qualquer irregularidade por parte dos pilotos russos.

    Mais cedo, a Fox News anunciou que as aeronaves russas tinham sido interceptadas por caças americanos ao se aproximarem da ilha Kodiak, a segunda maior dos EUA. 

    "Os jatos Tu-95MS foram escoltados por caças F-22 da Força Aérea dos EUA durante 27 minutos sobre águas internacionais perto do Alasca", afirmou a Defesa russa em comunicado oficial. "Todos os voos da Força Aeroespacial da Rússia foram e são realizados em estrita conformidade com as regras internacionais de uso do espaço aéreo sobre águas neutras, sem violar fronteiras de outros Estados". 

    Autoridades militares dos EUA também confirmaram o incidente.

    Mais:

    Bombardeiros russos são interceptados por caças portugueses
    Bombardeiros russos interceptados pela França geram pânico na mídia ocidental
    Aviões dos EUA interceptados queriam descobrir segredo de novíssimos submarinos russos
    Tags:
    F-22, Tu-95MS, Alasca, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik