04:58 23 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Bombardeiro russo Su-24 decola da base aérea de Hmeymim, na Síria

    Confira o Su-24, a principal arma aérea russa na Síria, em plena ação (VÍDEO)

    © Sputnik / Dmitriy Vinogradov
    Defesa
    URL curta
    2290
    Nos siga no

    Mais de metade dos 18 mil voos de combate da Força Aeroespacial da Rússia na Síria foi realizada por caças-bombardeiros Su-24, informa um vídeo publicado recentemente pela Comissão Militar e Industrial da Rússia.

    "Não é em antiguidades que voam nossos pilotos na Síria", disse no seu Twitter o vice-premiê russo Dmitry Rogozin ao compartilhar um vídeo sobre os aviões russos.

    ​O moderno sistema de pontaria e navegação dos Su-24 possibilita o uso de mísseis e bombas guiados por laser ou por televisão. O avião, além disso, conta com um avançado sistema de defesa a bordo que aumenta significativamente o nível de proteção da tripulação.

    Seus dois motores têm um impulso total de 22,4 toneladas e permitem que a aeronave voe a velocidades supersônicas a altitudes muito baixas.

    Os oito pontos de fixação — partes do bombardeiro para fixar cargas externas — são capazes de transportar até 8 toneladas de armas de diferentes tipos.

    Em seu nariz, ou seja, parte dianteira, também se pode montar uma arma adicional.

    Mais:

    Modernização do caça-bombardeiro Su-34 se baseará na experiência russa na Síria
    Caças russos Su-24 se aproximam de destróier norte-americano no mar Negro (VÍDEO)
    Defensor do céu russo: Su-30SM agora protege mar Negro
    Tags:
    caça russo, avião, Su-24, Força Aeroespacial da Rússia, Dmitry Rogozin, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar