16:44 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    F-35 fabricado pela Lockheed Martin

    Major-general americano: já 'faz muito' que Força Aérea elabora substituto do F-35

    © flickr.com/ US Air Force
    Defesa
    URL curta
    1613909812

    Enquanto empresas contratadas pelo Departamento de Defesa dos EUA têm se esforçado por diminuir os custos do programa “fora de controle” do F-35, a Força Aérea americana está ativamente considerando a possibilidade de substituir o problemático caça por um novo avião de combate de 6ª geração.

    A Força Aérea dos EUA trabalha há muito na elaboração de um avião de combate de 6ª geração, destinado a substituir o caça F-35 quando seu serviço acabar, ou seja, em 2070, comunicou nesta quinta-feira (16) o major-general e vice-chefe para os planos estratégicos do Estado-Maior da Força Aérea, Jerry Harris, durante um depoimento no Congresso.

    "O desenvolvimento de um avião de 6ª geração para substituir o F-35 começou há muito tempo", afirmou Harris ao Comitê de Serviços Militares da Câmara dos Representantes dos EUA.

    O Conselho Consultivo de Ciência da Força Aérea americana está conduzindo estudos acerca de um avião de combate de 6ª geração conhecido como "Penetrating Counter Air" ou PCA, devendo um relatório ser publicado em dezembro de 2017.

    O PCA representa uma abordagem híbrida para alcançar a superioridade aérea, bem como realizar outras missões em ambientes privados ou negados de acesso no prazo até 2030.

    A capacidade do PCA terá um papel importante na segmentação e envolvimento, mas um objetivo igualmente crucial é servir como nó na guerra centrada na rede, fornecendo dados de seus sensores para lançar armas cinéticas e não cinéticas.

    O programa F-35 tem variantes de aeronaves de 5ª geração para a Marinha, Força Aérea e Marines dos EUA, sendo que é um dos mais caros na história do Departamento de Defesa americano.

    Mais:

    'Problemático' caça F-35 domina os céus, mas por enquanto só na realidade virtual
    Pilotos de F-35 se tornam objeto de gozação após vídeo publicado nas redes sociais
    Lockheed Martin promete a Trump reduzir os custos exorbitantes do caça F-35
    Tags:
    avião de combate, caça, F-35, Lockheed Martin, Força Aérea dos EUA, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik