09:07 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    13212
    Nos siga no

    Um grupo de caças MiG-31 da base aérea da Aviação Naval da Frota do Pacífico realizou um combate com um inimigo convencional a velocidades hipersônicas e efetuou uma intercepção de um alvo prescrito no espaço aéreo da Kamchatka (península localizada no Extremo Oriente russo).

    "Os pilotos efetuaram a decolagem em tempo normativo, realizaram as buscas de um violador convencional da fronteira aérea e depois se lançaram ao ataque, efetuando uma manobra antimíssil contra os mísseis do ‘inimigo'. Além disso, as tripulações do MiG-31 trabalharam elementos de pilotagem dois a dois e um voo em formação fechada de combate", comunicou aos jornalistas o chefe do Departamento de Informações da Assessoria de Imprensa da circunscrição militar oriental da Frota do Pacífico.

    Segundo destacou o comandante da esquadrilha de caças e tenente coronel Sergei Koderle, os pilotos conseguiram cumprir os tempos normativos e liquidaram um alvo aéreo convencional apesar das complexas condições meteorológicas.

    Mais:

    Pilotos do caça T-50 russo recebem trajes antigravitacionais 'inteligentes'
    Base da Força Aeroespacial no sul da Rússia rearmada com novos caças MiG-29SMT
    T-50 treina abastecimento em voo (VÍDEO)
    Tags:
    voo, manobras, treinamento, caça, MiG-31, Kamchatka, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar