22:30 23 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Cruziero nuclear de mísseis pesado Pyotr Veliky, da Frota do Norte da Marinha da Rússia, perto da cidade de Severomorsk.

    Marinheiros russos da Frota do Norte festejam Ano Novo longe do país

    © Sputnik/ Cortesia do Serviço de Imprensa da Marinha Russa
    Defesa
    URL curta
    2834150

    As tripulações de navios militares, submarinos e navios de manutenção da Frota do Norte celebraram o Ano Novo de 2017 em navegação longe do país, inclusive no mar Mediterrâneo, informou o representante da Frota do Norte, Vadim Serga.

    Segundo ele, o comandante da Frota do Norte, Nikolai Evmenov enviou mensagens com parabéns para as tripulações de navios militares e navios de manutenção do da Frota do Norte que estão realizando viagens de longa distância.

    "O comandante da Frota do mar Negro agradeceu aos marinheiros da Frota do Norte por contribuírem para reforçar a capacidade de defesa, pelos bons indicadores de serviço e desejou aos militares e seus familiares saúde e prosperidade", disse Serga.

    "Para as tripulações militares da Frota do Norte, o novo ano de 2017 será rico em eventos como treinamentos, exercícios táticos e especiais <…>, navegações de longa distância, concursos e competições", citou o representante da Frota, Nikolai Evnmenov.

    Segundo as suas informações, tripulações do porta-aviões russo Admiral Kuznetsov, do cruzador de mísseis Pyotr Veliky, do navio antisubmarino Severomorsk, dos navios de manutenção Sergei Osipov, Nikolai Chiker, Altai, Kama celebraram o Ano Novo no mar Mediterrâneo.

    Informa-se que marinheiros se preparam cuidadosamente para a festa: decoraram árvores de Natal com antecedência, organizaram espetáculos. Também receberam presentes que os seus familiares tinham enviado antecipadamente.

    Mais:

    Exercícios navais russo-indianos começam com tiros no Golfo de Bengala
    Esquadrilha de 12 caças Su-30SM formada na Crimeia
    Tags:
    Ano Novo, tripulação, navios russos, Frota do Norte, Mar Mediterrâneo, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik