23:31 17 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    vice-prêmie russo, Dmitry Rogozin, examinando uma nova arma russa (espingarda de atirador furtivo)

    Exército russo vai ser equipado com novas espingardas avançadas

    © Sputnik/ Sergey Mamontov
    Defesa
    URL curta
    12402

    Os militares russos receberão mais uma arma avançada, fruto de muito trabalho de construção e pesquisa, após ter sido aprovada pelas instituições de controle.

    As novas espingardas para atiradores furtivos, elaboradas no âmbito do projeto de construção experimental Tochnost (‘precisão’ em russo), já podem ser postas ao serviço, comunicou aos jornalistas o director executivo do Instituto Central de Ciência e Pesquisa de Engenharia de Precisão, Dmitry Semizorov.

    "As espingardas passaram nas provas oficiais com sucesso. Já temos a primeira encomenda", disse ele durante a quinta competição nacional de tiro ao alvo pela Copa do Presidente do Colégio Militar e Industrial da Federação da Rússia.

    A espingarda pode ser carregada com dois tipos de cartucho: um para as balas comuns e outro para balas blindadas. A arma foi fabricada com base na estrutura da espingarda T-5000, mas foi alvo de mais de 210 alterações.  

    Nas competições de 4 de novembro a espingarda foi apresentada ao vice-prêmie russo, Dmitry Rogozin.

    Mais:

    Rússia planeja exportar sistemas de defesa aérea para América Latina
    Ministro da Defesa russo aponta falhas no equipamento militar
    Para defesa e imagem pública: S-300 russos já estão no Irã
    Tags:
    teste, militares russos, espingarda, armamentos, defesa, Dmitry Rogozin, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik