13:03 22 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    O sistema de defesa antimíssil Aegis Ashor norte-americana na base militar em Deveselu, Romênia (foto de arquivo)

    Custo da base antimíssil Aegis norte-americana sobe para $2,2 bilhões

    © AFP 2018 / DANIEL MIHAILESCU
    Defesa
    URL curta
    128

    O novo contrato da Agência de Defesa de Mísseis com a empresa Lockheed Martin vai aumentar o custo da base anti-míssil norte-americana Aegis Ashore na Polônia para US $ 2,23 bilhões, anunciou o Departamento de Defesa dos EUA.

    "Foi concedida à empresa Lockheed Martin Mission Systems and Training [of] Moorestown, Nova Jérsei, uma alteração no contrato no valor de $8.100.000", indica o anúncio do departamento na quinta-feira (11). "Desta forma, o valor acumulado total do contrato totaliza US $ 2.239 bilhões".

    O novo contrato vai fornecer apoio nas áreas de engenharia e desenvolvimento de interface para sistemas de teste e operacionais do Aegis Ashore na Polônia, incluindo a construção de instalações, desenvolvimento de interface aquisição de equipamentos, explica o Departamento de Defesa.

    O Departamento de Defesa planeja implantar o seu sistema Aegis Ashore na Polônia em 2018 com interceptores Standard Missile-3 (SM-3) baseados em terra, como parte do escudo antimíssil europeu.

    Mais:

    EUA desenvolvem mísseis para destruir alvos fora da atmosfera
    Rússia não recusa diálogo sobre escudo antimísseis com EUA - Kremlin
    Tags:
    escudo antimísseis, Defesa antimíssil (DAM), Polônia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik