23:36 28 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    4274
    Nos siga no

    Estados unidos adiam entrada ao serviço do porta-aviões mais moderno USS Gerald R. Ford (CVN-78), relata o canal CNN.

    Os jornalistas citam um relatório do Pentágono que enumerou problemas com pouso e decolagem de aeronaves a partir do convés do porta-aviões, com o controle de tráfego aéreo, bem como deficiências nos sistemas defensivos do navio.

    "Se esses problemas não forem resolvidos, eles vão restringir consideravelmente a capacidade de combate do CVN-78 ", declarou no relatório Michael Gilmore, diretor de testes operacionais do Pentágono.

    Segundo ele, o sistema de decolagem e pouso do porta-aviões terá que ser substituído.

    O porta-aviões USS Gerald R. Ford custou $13 bilhões e é considerado o navio de guerra mais caro do mundo. Sua construção começou em 2009 e o navio devia ter ficado pronto até setembro de 2014.

    Mais tarde, o prazo foi adiado para setembro de e depois para novembro de 2016. Segundo um representante da Marinha norte-americana, o navio poderá ser entregue no início de 2017.

    Mais:

    EUA negam relato de avião abatido no Iraque
    EUA deslocam 8 aviões de assalto A-10 Thunderbolt à Estônia
    'Navios dos EUA no Mar Negro demonstram política agressiva', diz comitê de Defesa da Duma
    Tags:
    porta-aviões, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar