12:37 07 Março 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 203
    Nos siga no

    A Índia acordou arrendar à Rússia um segundo submarino militar, informou na terça-feira (12) o jornal russo Kommersant.

    Mais cedo, a mídia disse que se trata do submarino K-322 Kashalot, construído em 1998 que está incorporado na Frota russa do Pacífico.

    Segundo o Kommersant, se a Marinha indiana escolher este submarino, a prontidão militar da Rússia não ficará prejudicada. A Marinha da Rússia está atualmente equipada com submarinos Kalmar, 949 Antei, bem como com porta-mísseis do projeto 955 Borei (armados com mísseis balísticos intercontinentais).

    Segundo o jornal, a Índia quer modernizar o submarino e isso diz respeito não somente à adaptação do equipamento aos sistemas usados pelos marinheiros indianos, mas também ao armamento.

    "Em particular, em vez dos mísseis Club-S fornecidos no âmbito de contratos de exportação, o submarino receberá sistemas de lançamento de mísseis antinavio ultrassónicos BrahMos (um projeto conjunto da empresa russa e do Ministério da Defesa da Índia", informou o Kommersant.

    Em 2012 a Índia arrendou por 10 anos o submarino Nerpa. Na Índia, o submarino obteve um novo nome – Chakra.

    O jornal destacou que, primeiramente, a Índia queria arrendar o submarino polivalente Yasen, mas como na Marinha russa há somente um submarino deste tipo, a Rússia recusou exportar a nova tecnologia.

    Tendo em conta todos os trabalhos necessários para modernizar o submarino, espera-se que o segundo submarino russo seja colocado ao serviço da Marinha indiana somente em 2019-2020.

    Tags:
    Marinha, modernização, submarino, equipamento militar, Rússia, Índia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar