21:50 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    1452
    Nos siga no

    As autoridades russas continuam fortalecendo as Forças Armadas, que são um poderoso argumento contra qualquer tentativa de provocação, chantagem ou pressão sobre a Rússia.

    Moscou vai trazer para um novo nível a coordenação com aliados na esfera da cooperação militar, disse o presidente russo Vladimir Putin em uma recepção em honra de graduandos de universidades militares.

    "Senhores, hoje estamos resolvendo um monte de missões nacionais de grande escala, mas o mais importante delas, claro, é fortalecer as Forças Armadas. Um Exército e uma Marinha modernos, bem equipados e móveis, são uma garantia da soberania e independência do país, da segurança de nossos cidadãos. É um poderoso argumento contra qualquer tentativa de provocação, chantagem ou pressão sobre o nosso país. Tenho a certeza de que vocês entendem isso bem", disse Putin.

    "Nosso curso estratégico para a modernização das Forças Armadas permanece inalterado. As ações da Força Aérea e da Marinha na República Árabe da Síria confirmaram de maneira convincente que esta linha era justa e foi conduzida de forma eficiente. Vamos continuar otimizando a estrutura e o tamanho do Exército e da Marinha, trazer para um novo nível o sistema de gestão militar e a coordenação de unidades, incluindo a cooperação com nossos aliados",  acrescentou ele.

    O presidente falou também sobre o equipamento das tropas.

    "O equipamento e armamento das tropas com material avançado continuará. É a tarefa colocada no programa nacional de armamento nos anos 2018-2025, cujo projeto está sendo desenvolvido. A ênfase será feita sobre as últimas armas de precisão, a tecnologia avançada e os meios de comunicação", disse Putin.

    Tags:
    Rússia, Síria, Vladimir Putin, Exército, forças, Marinha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar