12:39 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Defesa
    URL curta
    0 442
    Nos siga no

    Os exercícios navais de Rússia e China no Mediterrâneo demonstraram habilidade para reagir a novas ameaças no mar, garantindo estabilidade ao oceano mundial, afirmou um comandante sênior da Marina russa nesta quinta-feira.

    Navios de guerra de Rússia e China completaram, nesta quinta-feira, no Mar Mediterrâneo, a fase ativa dos exercícios navais Cooperação Marítima 2015, cumprindo tarefas com excelentes notas.

    "Os exercícios, realizados longe das bases navais de Rússia e China, mostraram nossa prontidão para, de forma conjunta, encarar novas ameaças e desafios no mar, assim como a habilidade de manter a estabilidade em praticamente qualquer área do oceano mundial", afirmou o vice-almirante Aleksandr Fedotenkov, vice-comandante da Marina russa.

    Os primeiros exercícios sino-russos no Mediterrâneo foram realizados de 17 a 21 de maio e envolveram dez navios de guerra de ambos países.

    Mais:

    Rússia e China se unem contra os piratas em manobras no Mediterrâneo
    Navios militares da Rússia e da China realizaram manobras noturnas no Mediterrâneo
    Tags:
    exercícios navais, Marinha da Rússia, Mar Mediterrâneo, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar