06:44 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Armário aberto em sala (imagem referencial)

    Americano encontra tesouro do século XVI em sótão antigo (FOTO)

    CC0 / Pixabay
    Cultura
    URL curta
    0 61

    Esta incrível história ocorreu há dois anos, contudo, somente agora ficou conhecida: Robert Warren, diretor da galeria Hoyt Sherman Place — histórica sede do Clube das Mulheres de Des Moines, estado de Iowa, encontrou em um sótão escuro do centro cultural uma obra de arte datada do século XVI.

    A pintura, cujo valor foi estimado em milhões de dólares, há muito tempo permanecia esquecida no amplo espaço, escondida entre a parede e uma mesa.

    "Eu vi a metade inferior de 'Apolo e Vênus'. Tirei-a detrás da mesa e percebi que no verso tinha a etiqueta de um leilão", contou Warren ao canal local WHO TV.

    Warren admitiu que realmente não teve ideia do que havia encontrado.

    "Isso me surpreendeu um pouco, já que é uma pintura realizada sobre painéis de madeira. Eu realmente não sabia muito sobre isso até que olhei para a parte de trás [da pintura]. Vi que essa parte, tanto como a parte frontal estavam tão danificadas, que havia manchas de água sobre elas. Além disso, se encontrava em uma sala cheia de lixo. Não tinha ideia que podia ser tão valiosa como resultou a ser".

    A investigação que iniciou Warren acabou revelando que se tratava de um verdadeiro tesouro.

    ​"Otto Van Veen: um pintor que está em todos os museus importantes […] Suas pinturas que foram vendidas [como fez uma vez a família Collins, que doou a pintura ao Clube das Mulheres de Des Moines] foram avaliadas entre US$ 4 e 17 milhões (R$ 13 e 56 milhões), portanto acreditamos que [seu valor] está nessa faixa", disse ele.

    Van Veen, foi um célebre pintor que viveu em Antuérpia e Bruxelas no final do século XVI e começo do século XVII. Tinha um grande estúdio em Antuérpia, onde era professor de Peter Paul Rubens.

    Mais:

    Fim do mistério: Mona Lisa está realmente sorrindo na célebre pintura
    Grande mistério da pintura mais famosa do mundo será revelado
    Rússia testa pintura 'stealth' avançada para tanques e veículos de combate
    Tags:
    obra, quadro, pintura, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik