02:04 22 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Escritora Clarisse Lispector ganha estátua no Rio

    Rio ganha estátua em homenagem a escritora Clarice Lispector

    Fernando Frazão/Agência Brasi
    Cultura
    URL curta
    0 40

    A escritora e jornalista ucraniana Clarice Lispector, ícone da literatura brasileira e mundial do século XX, acaba de ganhar uma estátua em sua homenagem na Pedra do Leme, na orla da Zona Sul do Rio de Janeiro, região onde viveu por 12 anos ao lado de seu cão, Ulisses.

    A decisão pela homenagem partiu da professora de literatura Teresa Monteiro, uma das biógrafas de Clarice Lispector. Em seguida, o projeto ganhou o apoio da atriz Beht Goulart, que vive a escritora nos palcos com a peça “Simplesmente, Eu”, e também do artista plástico Edgar Duvivier, que foi o responsável por criar o monumento.

    Como não havia patrocínio, além de fazer a estátua da escritora e do cachorrinho Ulisses em tamanho natural, o artista plástico também fez 40 miniaturas da obra, que foram vendidas para fãs da escritora, e o valor arrecadado foi usado para ajudar a fazer a escultura. 

    Para Teresa Monteiro, a estátua de Clarice Lispector tem como objetivo proporcionar cultura para as pessoas, uma forma de colaborar para a cidade ter mais arte.

    Clarice Lispector teve seu primeiro romance, “Perto do Coração Selvagem”, publicado em 1944, e já no ano seguinte, a escritora ganhou o Prêmio Graça Aranha, da Academia Brasileira de Letras (ABL). 

    Outros destaques de sua obra, foram: o seu primeiro livro de contos, “Laços de Família, e “ A Legião Estrangeira de A Paixão Segundo G.H.”, na década de 1960, considerado um marco na literatura brasileira.

    Em 1976, Clarice Lispector recebeu o prêmio da Fundação Cultural do Distrito Federal, pelo conjunto de sua obra. Em 1977, publicou seu último romance, “ A Hora da Estrela”, que também foi adaptado para o cinema, em 1985.

     

     

    Tags:
    arte, livro, estátua, monumento, Ucrânia, Brasil, Praia de Copacabana, Rio de Janeiro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik