18:37 17 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Willem Dafoe, Charlotte Gainsbourg, Lars von Trier e a produtora do filme Anticristo Meta Louise Foldager no Festival de Cannes em 2009

    França proíbe exibição do 'Anticristo' de Lars von Trier

    © AFP 2017/ ANNE-CHRISTINE POUJOULAT
    Cultura
    URL curta
    198063

    As autoridades francesas suspenderam nesta quarta-feira o direito de exibição do filme "Anticristo", do polêmico diretor dinamarquês Lars von Trier, por conter cenas de "extrema violência" e de "sexo não simulado".

    Uma corte de apelações do país considerou que a obra, protagonizada por Willem Dafoe e Charlotte Gainsbourg, apresenta conteúdos que devem ser proibidos para todos os menores de idade e que o seu certificado de classificação deve ser removido. 

    Enquanto a nova classificação não for definida, a exibição do filme na França permanecerá suspensa para qualquer audiência do país. 

    Lançado em 28 de agosto de 2009, o "Anticristo" conta a história de um casal que decide se mudar para uma casa isolada, no meio da floresta, após ter a vida devastada pela morte do seu filho único. Abalados pela dor do luto, eles experimentam uma série de acontecimentos misteriosos e violentos, os quais, segundo von Trier, não poderiam ser mostrados de outra forma, por se tratar exatamente de um filme sobre dores. 

    Mais:

    Contato com Putin pode ajudar DiCaprio a conseguir papel em filme sobre o presidente russo
    Filme brasileiro lota sala em cinema de Moscou
    Críticos escolhem 'Francofonia' como melhor filme do Festival de Veneza
    Tags:
    Anticristo, Lars von Trier, Willem Dafoe, Charlotte Gainsbourg, Dinamarca, França
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik