18:56 16 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 100
    Nos siga no

    Juno, a sonda espacial da NASA que orbita Júpiter, enviou há pouco tempo mais uma série de fotos impressionantes do gigante gasoso.

    O aparelho, que tem estado orbitando o planeta desde 2016, entrou recentemente na segunda fase da missão, depois de completar sua pesquisa de cinco anos de Júpiter, escreve Forbes. 

    Nas novas imagens de seu 36º sobrevoo próximo à superfície se podem observar furacões, tempestades ciclônicas e a parte superior das nuvens em Júpiter, tendo passado a aproximadamente 4.200 quilômetros dos polos do planeta.

    ​Cor e contraste intensificados. Imagem obtida por sonda Juno da NASA a partir de uma altitude de 7.182 km.

    Desfrutar destas imagens fantásticas é possível graças ao trabalho de vários cientistas cidadãos, que após cada passagem próxima da sonda baixam os dados não processados captados pela câmera JunoCam, instalada a bordo da sonda, através do site especial da missão da NASA.

    ​De apenas 25 horas atrás [...] cor e contraste intensificados. Imagem obtida por sonda Juno da NASA a partir de uma altitude de 3.968 km.

    ​Aqui está uma imagem aperfeiçoada de Júpiter para usarem como fundo em seus dispositivos. 36º sobrevoo próximo. Desfrutem!

    Lançada em 2011, a sonda Juno alcançou o gigante gasoso em 2016 e entrou em uma órbita polar. A espaçonave foi projetada para medir os campos gravitacional e magnético de Júpiter, enquanto captura imagens incríveis do topo das nuvens do planeta.

    Juno foi a primeira missão a obter uma visão clara das regiões polares de Júpiter, o que permitiu aos astrônomos mapear ambos os polos do maior planeta do Sistema Solar em grande detalhe.

    Mais:

    Visitante espacial da Idade da Pedra pode ter originado cometa Atlas
    Astrônomos encontram 'quebra' em um dos braços espirais da Via Láctea (FOTO)
    China pondera construir nave espacial de 1 km de comprimento
    Tags:
    Júpiter, sonda espacial, Juno, Sistema Solar, NASA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar