03:55 24 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 173
    Nos siga no

    Arqueólogos descobriram um peso usado no comércio na antiga cidade de Jerusalém, eles acreditam que o objeto era usado para enganar os comerciantes.

    O artefato em questão tem cerca de 1,4 cm de diâmetro e 1,2 cm de altura e foi encontrado na parte norte da Cidade de Davi, na Cidade Antiga de Jerusalém, avança The Jerusalem Post.

    Segundo pesquisadores, o peso tem cerca de 2.700 anos e data do período do Primeiro Templo, além do mais, ele é apenas o segundo objeto desta espécie a ser descoberto em Israel.

    O artefato curioso é feito de calcário duro e possui entalhes que indicam que tem o peso de dois gerah, ou seja 0,944 gramas.

    Peso de 2.700 anos descoberto durante escavações no norte da Cidade de Davi, na Cidade Antiga de Jerusalém
    Peso de 2.700 anos descoberto durante escavações no norte da Cidade de Davi, na Cidade Antiga de Jerusalém

    No entanto, apesar disso o objeto não pesa dois gerah, os pesquisadores descobriram que pesava pelo menos 3,61 gramas, mais de três vezes o peso indicado.

    Enquanto isso pode parecer estranho, os pesquisadores Eli Shukron e Hagai Cohen Kolonimus da Universidade Hebraica de Jerusalém sugerem que a explicação provável é que quem usou esse peso no comércio usava-o para enganar as pessoas.

    Além disso, esse tipo de fraude é amplamente descrito na Bíblia, onde é duramente criticado.

    Mais:

    Seres humanos foram 'superpredadores' hipercarnívoros durante cerca de 2 milhões de anos, diz estudo
    Caixões de 1.800 anos são redescobertos em Israel e podem ter pertencido a casal (FOTOS, VÍDEO)
    Tapete pomposo: mosaico de cerca de 1.600 anos é desenterrado em cidade israelense (FOTOS)
    Tags:
    Jerusalém, escavação, sítio arqueológico, artefatos, arqueologia, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar