20:13 23 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    Mundo lidando com COVID-19 em meados de agosto de 2021 (17)
    0134
    Nos siga no

    O epidemiologista Larry Brilliant, ex-vice-presidente do Google, afirmou que a vacinação em massa não travaria o coronavírus e que é impossível atingir a imunidade de grupo administrando bilhões de doses de vacinas.

    Brilliant, que fez parte do programa de erradicação da varíola nos anos 80, quer que as autoridades de saúde mudem de rumo e experimentem um método testado pelo tempo, a vacinação em anel, para combater a COVID-19, um processo que implica uso mais crítico de doses de imunizantes disponíveis.

    A vacinação em anel consiste em rastrear e imunizar todas as pessoas que tiveram contato direto com pelo menos um infectado confirmado.

    "A vacinação em massa nunca funcionou", revelou Brilliant. "Nem contra varíola, nem contra ebola, nem contra pólio. É apenas um sonho."

    A demora na distribuição de imunizantes por todos os cantos do mundo concede ao coronavírus o acesso a muitos países, e assim aumentam as hipóteses de surgirem mais variantes do vírus.

    "É impossível obter a imunidade de grupo quando há uma doença como a variante Delta, que é provavelmente duas ou três vezes mais transmissível do que a COVID original", afirmou Brilliant.

    No entanto, vários especialistas estão contra a vacinação em anel por causa da diferença entre a COVID-19 e a varíola e ebola. As pessoas infectadas com essas doenças tinham sintomas visíveis que facilitaram a identificação e isolamento de doentes, enquanto entre os infectados com o coronavírus há 40% de casos assintomáticos.

    Brilliant responde que a vacinação em anel pode ser usada eficazmente em conjunto com outros métodos, por exemplo o rastreamento de contatos.

    Tema:
    Mundo lidando com COVID-19 em meados de agosto de 2021 (17)

    Mais:

    Erradicar completamente COVID-19? Cientistas avaliam chances de acabar com vírus
    COVID-19: seguindo exemplo da Sputnik V, estudo indiano mostra benefícios de 'coquetel de vacina'
    COVID-19 virará constipação? Professor britânico explica o que acontecerá com novo coronavírus
    Estudo no Japão descobre ligação entre fumo e quantidade de anticorpos após vacinação
    Tags:
    COVID-19, novo coronavírus, vírus, vacina, pandemia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar