06:55 21 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 120
    Nos siga no

    O corpo celeste recebeu o nome provisório de EJc0061 e mais provável é que seja um novo membro do grupo Carme, que orbita o planeta junto a outras 78 luas.

    O estudante Kai Ly se tornou o primeiro astrônomo amador a descobrir uma lua planetária até agora desconhecida da ciência.

    A descoberta foi publicada no Minor Planet Mailing List, que faz parte do centro de astrofísica de Harvard- Smithsonian, nos EUA.

    Ly analisou as imagens do Telescópio Canadá-França-Havaí (CFHT, na sigla em inglês) captadas em fevereiro de 2003 por pesquisadores da Universidade do Havaí, e encontrou um novo membro do grupo Carme, formado por outras 22 pequenas luas que orbitam em torno de Júpiter.

    ​Kai Lay, um astrônomo amador, descobriu a EJc0061, uma "nova" lua em torno de Júpiter, a número 80.

    A nova lua tem o nome provisório de EJc0061 e o mais provável é que seja um fragmento que se separou da lua Carme, que orbita o planeta junto a outros 78 satélites naturais. Com esta descoberta, o número total de luas detectadas em Júpiter é agora de 80.

    Ly assegura que localizou a lua durante suas férias de verão como um "hobby antes de retomar as aulas".

    Apesar de se sentir orgulhoso da descoberta, o estudante admite que a lua "é apenas um membro típico do grupo Carme". Este grupo se diferencia das outras luas de Júpiter, como Ganímedes e Europa, por orbitar o planeta durante períodos de cerca de dois anos.

    Mais:

    Simulação computadorizada revela mistério das auroras polares de Júpiter (FOTO)
    FOTOS incríveis revelam momentos únicos de Júpiter em diferentes comprimentos de onda de luz
    Enorme exoplaneta perplexa cientistas ao orbitar 'jovem Sol' 20 vezes mais longe que Júpiter (FOTO)
    Tags:
    Lua, Júpiter, astrônomo, amadores, estudante, estudantes, órbita, órbita lunar
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar