17:43 02 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    141
    Nos siga no

    Telescópio espacial Hubble da NASA conseguiu captar duas enormes galáxias que fazem parte do enorme aglomerado de galáxias Perseu.

    Ambas as formações se encontram a uma distância aproximada de 350 milhões de anos-luz da Terra. Aquela que se encontra na parte esquerda da imagem é uma galáxia lenticular e a que está situada à direita em baixo é uma galáxia espiral.

    O aglomerado de Perseu, também conhecido como Abell 426, é um dos objetos mais massivos no Universo observável, contendo mais de 1.000 galáxias imersas em uma vasta nuvem de gás.

    ​Duas enormes galáxias são protagonistas nesta imagem espetacular. A que está à esquerda é uma galáxia lenticular chamada 2MASX J03193743 4137580. À direita é uma galáxia espiral (com nome muito mais simples) de UGC 2665.

    Segundo cientistas da NASA, os impressionantes detalhes da imagem foram captados graças à potente resolução e alta sensibilidade da câmera de campo largo WFC3, que opera tanto na faixa de radiação de luz visível como na infravermelha.

    Mais:

    Revelado novo tipo de cataclismo astronômico que poderia resolver mistério de bilhões de anos
    Físicos confirmam teorema de Hawking pela 1ª vez através de observações
    Telescópio da NASA detecta 4 planetas 'flutuantes' vagando pelo espaço sem estrela para orbitar
    Tags:
    galáxias, Hubble, NASA, universo observável
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar