02:42 21 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 22
    Nos siga no

    As pegadas fossilizadas recém-descobertas foram feitas por pelo menos duas espécies de mamíferos há cerca de 58 milhões de anos, em uma lagoa de água salobra na região que é hoje o estado de Wyoming (EUA), e podem ser a mais antiga evidência de ajuntamento de mamíferos à beira-mar.

    Atualmente as rochas da formação geológica Hanna em Wyoming se situam a centenas de quilômetros do mar. Mas há 58 milhões de anos esta região se situava perto de um oceano, com grandes mamíferos parecidos com hipopótamos vagueando por lagoas próximas da costa, escreve portal SciTechDaily.

    Em um estudo publicado na revista Scientific Reports, o geólogo Anton Wroblewski, professor associado do Departamento de Geologia e Geofísica, e a cientista de biodiversidade aplicada Bonnie Gulas-Wroblewski, do Instituto de Recursos Naturais A&M do Texas, relatam a descoberta de vários conjuntos de pegadas fossilizadas de Coryphodon – animal mamífero extinto aproximadamente do tamanho de um urso pardo – que podem ser as mais antigas evidências de acumulação de mamíferos junto ao mar.

    Pegadas fossilizadas de mamíferos feitas há 58 milhões de anos encontradas nos EUA
    © Foto / Anton Wroblewski
    Pegadas fossilizadas de mamíferos feitas há 58 milhões de anos encontradas nos EUA
    "Vestígios fósseis tais como pegadas registram interações entre organismos e seus ambientes, fornecendo informações que os fósseis corporais por si só não podem [fornecer]", disse geólogo.

    "Neste caso, os fósseis de pegadas mostram que mamíferos de grande tamanho usavam regularmente ambientes marinhos apenas oito milhões de anos após a extinção dos dinossauros não aviários", explicou.

    As trilhas incluem pegadas, impressões em sedimentos moles feitas quando animais pesados andavam sobre camadas sedimentares sobrejacentes, bem como impressões feitas nas superfícies de antigas planícies de maré.

    Reconstrução da aparência do mamífero que deixou pegadas há 58 milhões de anos
    © Foto / Anton Wroblewski
    Reconstrução da aparência do mamífero que deixou pegadas há 58 milhões de anos
    Pegadas de cinco dedos descobertas na formação geológica Hanna pertencem a mamíferos da ordem Pantodontes, já a outra espécie de animal que deixou impressões de quatro dedos permanece um mistério.

    Plantas e vestígios de pólen fossilizados ajudaram a equipe a determinar a idade das pegadas, que é de em torno de 58 milhões de anos, na época do Paleoceno.

    Mais:

    Arqueólogos descobrem restos de 9 neandertais em caverna perto de Roma (FOTOS, VÍDEO)
    Fóssil capta lula ancestral comendo crustáceo enquanto era comida por tubarão pré-histórico (FOTOS)
    Certos dinossauros cresceram 'como árvores' quando havia boas condições, indica estudo
    Tags:
    geologia, EUA, animal extinto, mamíferos, fósseis
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar