05:54 14 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Ciência e tecnologia
    URL curta
    0 80
    Nos siga no

    Durante as escavações, os arqueólogos descobriram 250 túmulos, escavados na montanha, junto com peças de cerâmica e alabastro e ossos de pessoas e de animais dos donos de sepulturas.

    Durante as escavações na necrópole de Al-Hamdiya, na província egípcia de Sohag, os arqueólogos encontraram 250 túmulos escavados em vários níveis da montanha oriental, segundo o comunicado do Ministério de Antiguidades e Turismo do Egito.

    Os túmulos pertencem ao período desde o fim do Império Antigo (de 2686 a.C. a 2181 a.C.) até o fim do período tardio, quando reinava a dinastia ptolemaica (de 309 a.C. a 30 a.C.). Alguns deles estão dentro de poços funerários ou em câmaras às quais leva uma rampa.
    Achados arqueólogos da necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito
    © AFP 2021 / HO / Ministério das Antiguidades do Egito
    Achados arqueólogos da necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito

    O secretário-geral do Conselho Supremo de Antiguidades, Mustafa Waziri, informou que uma das sepulturas, que data do Império Antigo, tem uma entrada que leva a uma galeria com uma pequena câmara funerária, reutilizada em épocas posteriores.

    Além disso, na mesma sepultura havia uma porta falsa com hieróglifos e cenas que mostram o dono do túmulo oferecendo sacrifícios de animais e pessoas fazendo oferendas aos defuntos.

    Túmulos descobertos durante escavações na necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito
    © AFP 2021 / HO / Ministério das Antiguidades do Egito
    Túmulos descobertos durante escavações na necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito

    Durantes as escavações na necrópole, os arqueólogos também descobriram pequenos vasos de alabastro e cerâmica, restos de um espelho metálico redondo, ossos de pessoas e animais e peças de calcário com inscrições, que poderiam ser placas funerárias dos proprietários dos túmulos e que remontam aos finais da sexta dinastia egípcia, entre outros objetos descobertos.

    Achados arqueólogos da necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito
    © AFP 2021 / HO / Ministério das Antiguidades do Egito
    Achados arqueólogos da necrópole de Al-Hamdiya, na província de Sohag, Egito

    No total, os pesquisadores encontraram até agora mais de 300 túmulos rupestres nesta zona de enterramentos que se estende desde Nag al-Sheikh até Al-Kharandariyah e onde se enterraram os governantes e funcionários da nona província do Alto Egito, um dos principais centros administrativos do Egito Antigo.

    Mais:

    Tesouro de moedas carolíngias do século IX descoberto na Polônia (FOTO)
    Fóssil capta lula ancestral comendo crustáceo enquanto era comida por tubarão pré-histórico (FOTOS)
    Impressionante 'fóssil vivo' considerado extinto é identificado ao largo da costa japonesa (FOTOS)
    Adereço de comédia de humor negro acaba sendo cabeça encolhida autêntica (FOTOS)
    Tags:
    arqueologia, osso, sepulturas, escavação, túmulo, Egito
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar